Translate

My MTB has DIABETES

Diabetes is something that cycling with me since 21 years ago, I’m 41. The blue O Project regarding the disclosure of diabetes disease associated with the practice of MTB, talking, discussing and to clarifying some aspects, from who has to deal with these two situations simultaneously.

RECONHECENDO e CONSCIENCIALIDADO com

Boas pedaladas,

Quero expressar um descontrolo... que não sendo o desejado, deve ser COMBATIDO por todos os que tenham diabetes...

Sigo alguns princípios básicos, estando este entre os primeiros; "não faço aos outros o que não quero que me façam a mim"! Se promovo uma imagem de controlo tenho e sinto que devo ser o primeiro a faze-lo...

A minha A1C "pedala" desorientada. Se aquando do diagnóstico estava alta, ultimamente tem escapado do controlada, mesmo com o desporto que pratico, incluindo a caminhada diária, depois de "arrumar a cozinha". Desculpo-me com "este ou outro erro alimentar", "aqui ou ali" mas o certo é que o silêncio da sua acção pode e normalmente é prejudicial a longo prazo.


Tenho cá para mim que na cabeça reside grande parte do domínio necessário. É um "órgão" complicado de se trabalhar, exige de nós uma vigilância séria, muito trabalhado, ensino e aprendizagem! Um dia alguém escreveu; "quando a cabeça não tem juízo o corpo é que paga". No caso da diabetes, esse preço pode ser alto, se for pago em prestações, pode tornar-se penoso!

RECONHECENDO e CONSCIENCIALIDADO com este descontrolo, de algum modo, porque me sinto promotor de uma ideia de controlo - que o Projecto blue O também passa e representa - fiz para me sentar frente a frente com quem, sem qualquer problemas - é o seu trabalho - nos pode e deve "puxar as orelhas"; dietistas, endocrinologistas, enfermeiros, técnicos de saúde. Passarei a ser seguido no piso 7 do Hospital Amato Lusitano...


É lá que se vai gerar um "brainstorming" com a finalidade de me por na linha. Uma recta matemática, deveria assim ser, já que a cabeça de quem sofre de uma doença crónica tende a desviar-se dessa direcção, nesta relação de anos é necessário estar alerta com as suas mudanças e “humores”, uma verdadeira relação a dois, eu quero mas devo também ceder.

Pedaladas boas,
casf

English

Good rides,

This note appears to express one uncontrolled that isn't desired, must be FIGHT by all who have diabetes...

I follow some basic principles, among the firsts there is; "I don't do the others what I don't want they do to me!" If I promote it one image of control, I feel I must do it firstly...

My A1C "cycling" disoriented. When diagnosed it was high, currently it escape from controlled, even with the sport I practice, including a daily walk, after "clean the kitchen". I apologize with "some food error", "this or that" but it is certain, the silence of their action can, and usually, long term speaking it injurious.

I have to myself it’s in our head that lies much of the required domain. It is a complicated "organ" to work, demands of us a serious surveillance, hard worked, teaching and learning! In Portugal a writer already wrote "when the head has no judgment is the body that pays". With diabetes, this price may be high, it may become painful too!

RECOGNIZING and CONSCIENTTLY with this uncontrolled, somehow, because I'm a promoter of control - that blue O Project represents... – I made to sit face to face with those who, without any problems - it's their job - can "pull the ears", dieticians, endocrinologists, nurses, health technicians. I shall be followed in the 7th floor from Amato Lusitano Hospital in Castelo Branco.

It's there that will be generate a "brainstorming" in order to put me in line. Should be a mathematic line, but the head of who suffer from a chronic disease tends to deviate from this direction, this relationship for years is necessary to be alert to changes and their "moods", a true relation between two parts, "I want, but I must also give".

Good cycling,
casf

2 comentários:

  1. Força ai amigo Carlos! Pouco a pouco e com pequenos passos, se obtém grandes feitos... controlar os "diabretes" é sempre um desafio! Encara-o como mais uma maratona! Toca a "pedalar"!

    ResponderEliminar
  2. Obrigado Mike,
    Encontrar-te-ei mais vezes para me ajudares a baixar os valores...
    Pedaladas das BOAS,
    casf

    ResponderEliminar