Translate

My MTB has DIABETES

Diabetes is something that cycling with me since 21 years ago, I’m 41. The blue O Project regarding the disclosure of diabetes disease associated with the practice of MTB, talking, discussing and to clarifying some aspects, from who has to deal with these two situations simultaneously.

Pedro Felicio, verdadeirO exemplO

Boas pedaladas,
 
Pedro Felício o nosso blue O Rider partilhou uma história fantástica, durou 120km!
 
 
"Hoje completei o mítico "Raid Alvalade-Porto Covo-Alvalade - 120klm" , evento no qual me tenho vindo a preparar, tanto a nível de dosagem e administração de insulina como a nível de prepação física e técnica, dando razão á afirmação "sem objectivos não há ambição!".

Na noite anterior ao evento administrei mais 5 unidades a mais do que o normal de insulina basal visto que no dia seguinte e de manhã tinha que a reduzir significativamente sem que tivesse algum desequilíbrio... Assim foi, na manhã do evento em vez das 17/18 unidades que costumo dar apenas dei 9 e mais duas de rápida com a glicémia a 131 (espetaculo), comi uma fatia e meia de carcaça integral torrada (pão castanho) com um leve barramento de compota biológica de abóbora + uma caneca de leite com um café expresso misturado sem açúcar (eram cerca das 07h40)...
 
A partida deu-se ás 9 e como habitualmente faço 10 minutos antes tirei novamente a glicémia e deu 194mg/dL (óptimo, pensei eu...) dirigi-me á zona de pequenos almoços do evento e ainda trinquei um quarto de uma sandes de presunto. O inicio foi rápido, ao klm 12 e sem medir joguei as mãos aos bolsos e trinquei uma barra de cereais  pois o andamento rápido e intenso quase de certeza (pensei eu) fazia queimar muito açúcar.... Havia o 1º abastecimento ao klm 20 ao qual eu ignorei e continuei, cerca do klm 25 ingeri um gel e tive a esperança de no famoso abastecimento da barragem de Campilhas (klm 40) estarem óptimos para comer a famosa sandes de carne assada, após a chegada e depois de ter medido eis que o resultado foi de 171mg/dL, optei por isso por beber um copo de sumo e comer uma banana , até á 1a parte do percurso (70klm ida até Porto Covo) nem medi mas comi ainda pelo meio um cubo de marmelada e outra barra de cereais .
 
Chegado a Porto Covo medi e dá um valor de 159mg/dL (estes 70klm foram feitos em 3h15m a uma média de 24km/h), copo de bebida energética uma banana, fatia de bolo seco + uma barra de cereais, faltavam neste momento 50klm, seguimos e o abastecimento do klm 80 seria o meu ponto de almoço com a glicémia a 102mg/dL vinguei-me e comi duas sandes de carne assada com um copo de sumo e uma banana, numa altura que os músculos estavam a comer rapidamente tudo o que lhes dava e com 2000 e tal kcal já gastas sabia que não iam subir certamente pois ainda tinha mais 40klm de pedal!

Após esse "almoço" tinha-mos + 2 abastecimentos (klm 97 e 113) á qual foram usados para abastecimento liquido e lubrificação de transmissão, mas que sempre que parava verificava a glicemia que estava sempre nos números certos, claro que até aos 120 fui comendo conforme o esforço e grau de exigência! Correu tudo bem, estou extremamente orgulhoso pelo controle treinado e efectuado e pela belíssima prestação de um DIABÉTICO na qual mostro que devidamente controlado pode andar ou exercitar-se ao nível de uma pessoa saudável!

120 klm num total de : 05h41m49s em movimento
06h13m44s de tempo total (das 09h00 ás 15h13m44s)
Média de 21, 4km/h
3849 KCAL
Bat.Cardíacos MAX: 180
Bat.Cardíacos MÉDIO: 150

A representar o movimento "BLUE O" ao mais alto nível!

"DIABETES DOESN´T STOP US.
ITS FUELS US.
"

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=548429358542644&set=o.103347969829045&type=1

Belo exemplo que podemos tirar e seguir...

Pedaladas boas,
casf

Sem comentários:

Enviar um comentário